ontent='text/html; charset=iso-8859-1' http-equiv='Content-Type'/> Piece of me ∞: Julho 2013

quinta-feira, 18 de julho de 2013


Everything is changing
And I never wanna go back to the way it was
I'm finding who I am
And who I am from here on out is gonna be enough  ♪


foi tão fácil te conhecer,



saber do que gosta,das mentiras que fala,do sorriso lindo que tem,da maneira que fica brabo quando não te olho,como fala comigo me olhando nos olhos, ou seja adoro quando se faz de bobinho.



Sou mais do que o seu olho pode ver, então não desonre o meu nome.

- Pitty

e se eu falar ?



se eu falar que sinto falta dos teus olhares,do teu sorriso que é único,da sua boca que é perfeita,das tuas palavras que me alegram,da maneira que fica perto de mim,como fala de mim para os teus amigos,de quando você me olhou e fiquei tentando desvendar teus segredos,teus olhos são lindos,tem o brilho que eu preciso,e se falar que te amo ?

Demi Lovato - Made in the USA

quarta-feira, 17 de julho de 2013



SAAAAAAAAAAAAAAAAAAIUUU !!

Como todos sabem, soooooooou apaixonada pela Demi Lovato
e hoje as 13:00 h, ela colocou na sua conta do VEVO seu clipe novinho Made in the USA.
Eu tive um HEART ATTACK DE TANTO ESPERAR HAHHAHAHHAHA'

ele simplesmente superou as minhas expectativas .. assistam ele é lindo demais .

bye outono !



Está fazendo um dia lindo de outono. A praia estava cheia de um vento bom, de uma liberdade. E eu estava só. E naqueles momentos não precisava de ninguém. Preciso aprender a não precisar de ninguém. É difícil, porque preciso repartir com alguém o que sinto. O mar estava calmo. Eu também. Mas à espreita, em suspeita. Como se essa calma não pudesse durar. Algo está sempre por acontecer. O imprevisto me fascina.
Clarise Lispector.

vi que contigo,


pode ser diferente,um diferente melhor eu espero !

amores vem e vão,



e quando eles vem sempre nos balançam mais forte que o ultimo. e aí que achamos que será diferente, que seu dia não ira ter sol porque não o viu. bem, é um circulo vicioso que se repete. agora eu gostaria verdadeiramente que não fosse - como no último - mas não importa realmente. porque vou errar nesse mais que no outro, e sei que estarei feliz. pois a felicidade desse momento com você é insubstituível pra mim, agora .

                      

"Sempre assim, a gente nunca vai dar valor pro que tem nas mãos. Sempre vamos perceber o quão bom aquilo era, quando não nos pertencer mais. É como uma lei. “Se for teu, você não vai dar o valor necessário". Infelizmente é isso que acontece, é a falta do amor que te deram, a falta de ser preferência de alguém. Por que né? Pra que dar valor pra uma coisa que você já tem? É teu mesmo. Na tua cabeça, você não vai perder aquilo. Vai em busca do novo, deixa o que você tem ‘garantido’ de lado. Pois é, você não tem garantido. As pessoas não vem com contrato, elas podem ser ‘tuas’ agora e daqui a vinte minutos não serem mais. Ai sim, quando a vida delas seguir, foda-se o novo, ai sim elas vão deixar um buraco na tua vida. Quem vai preencher? É, ninguém. Aprender a cuidar do que é teu enquanto você tens, aprende que um dia isso vai acabar. Deixa o novo pro futuro, ele vem na hora certa. Não te preocupa, ele sempre vem. Agora olha pra trás… O que você vê? Só buracos né?! Aposto que tu também já deixou buracos no passado de alguém, mas tu cansou não é mesmo? Você não precisava mais perder tempo com uma coisa que deixou de ser sua prioridade por algum motivo, deixou de ser a sua preocupação, o teu pensamento quando acordava ou o último antes de dormir. É um ciclo vicioso, digamos que isso sempre acontece e sempre vai acontecer, e cada vez que isso acontece, a gente vai se preparando mais pro mundo, pra essa passagem esburacada que a gente deixa por aí."
- Deixa o que tu tem garantido de lado.


"Querido John,
Há tanta coisa que quero dizer para você, mas não tenho certeza por onde devo começar. Devo começar dizendo que te amo? Ou que os dias que passei com você foram os mais felizes da minha vida? Ou que, no curto espaço de tempo que nos conhecemos, passei a acreditar que fomos feitos um para o outro? Poderia dizer todas essas coisas e tudo seria verdade, mas, enquanto releio estas palavras, a única coisa que passa pela minha cabeça é que queria estar com você agora, segurando sua mão e olhando seu sorriso elusivo. No futuro, sei que vou reviver o tempo que passamos juntos mil vezes. Vou ouvir seu riso, ver seu rosto e sentir seus braços em torno de mim. Vou sentir falta de tudo isso, mais do que você pode imaginar. Você é um cavalheiro raro, John, eu estimo isso em você. Todo o tempo em que estivemos juntos, você nunca me pressionou para dormir com você, e eu não posso dizer o quanto isso significou para mim. Tornou o que temos ainda mais especial, e é assim que eu quero me lembrar para sempre do período que passamos juntos. Como uma luz branca e pura, cuja contemplação é de tirar o fôlego. Penso em você todos os dias e sei que, quando for te ver amanhã, dizer adeus será a coisa mais difícil que já fiz. Parte de mim teme que chegue um momento no qual você não sinta mais o mesmo sentimento, que por algum motivo você esqueça o que nós compartilhamos, então é isso que eu quero fazer. Onde quer que você esteja e não importa o que esteja acontecendo em sua vida, na primeira noite de lua cheia – como na noite em que nos conhecemos – quero que você a encontre no céu noturno. Quero que você pense em mim e na semana que partilhamos, porque, seja onde for, seja o que estiver acontecendo na minha vida, é exatamente isso o que vou fazer. Se não podemos estar juntos, pelo menos podemos compartilhar isso, e talvez entre nós, sejamos capazes de fazer isso durar para sempre. Eu te amo, John Tyree, e eu vou agarrar-me à promessa que uma vez você fez para mim. Se você voltar, vou casar com você. Se você quebrar a sua promessa, vai partir meu coração."
- Com amor, Savannah

"De vez em quando bate uma tristeza. Mas não uma tristeza comum.Uma espécie de tristeza que parece correr cada pedaço de mim,como se tivesse faltando algo ou alguém,uma tristeza profundo que me faz chorar sem derramar uma lágrima,que me deixa com um nó na garganta e faz com que eu me sinta no que chamam de “fundo do poço".Como se nada valesse a pena,como se o fato de eu respirar fosse um fardo.Uma tristeza que me faz querer sumir.Ou até mesmo não ter consciência da minha existência."

terça-feira, 16 de julho de 2013


"Estamos juntos. Perto ou longe, tanto faz, continuamos juntos. Sinto sua presença, sinto seu toque, sinto você. Sinto sua alma perto da minha. Sinto você dentro do meu peito e da minha mente, pois onde quer que eu olhe, tudo me faz pensar em ti e no quanto te amo e te quero perto. Hoje pensei em você quase o dia todo, era como se você estivesse aqui do meu lado, era como se a tua alma estivesse do lado da minha fazendo uma visita. Senti tanto você que até deixei escapar um sorriso. Acho que meu coração também te percebeu, pois começou a acelerar tão rapidamente, que pensei que fosse sair do meu peito em direção aos seus braços. Agora sei porque mesmo de tão longe, te sinto aqui, segurando a minha mão. Mesmo longe dos meus olhos, você está perto do meu coração. Aliás, está dentro dele."


"Aprenda a deixar ir, não precisa esquecer, mas, deixe acabar, deixe coisas novas chegarem, saiba esperar por elas e saiba não esperar também. Se você enxergar as coisas da maneira exata, elas nunca serão totalmente erradas. Foi assim que eu aprendi a sobreviver nesse pouco tempo de vida que tive, me desapegando. De tanto se perder uma hora a gente acerta o caminho."
- Sean Wilhelm. 

- Clarice Lispector, Saudades.


"Sinto saudades de tudo que marcou a minha vida. Quando vejo retratos, quando sinto cheiros, quando escuto uma voz, quando me lembro do passado, eu sinto saudades. Sinto saudades de amigos que nunca mais vi, de pessoas com quem não mais falei ou cruzei. Sinto saudades da minha infância, do meu primeiro amor, do meu segundo, do terceiro, do penúltimo e daqueles que ainda vou ter, se Deus quiser. Sinto saudades do presente, que não aproveitei de todo, lembrando do passado e apostando no futuro. Sinto saudades do futuro, que se idealizado, provavelmente não será do jeito que eu penso que vai ser. Sinto saudades de quem me deixou e de quem eu deixei! De quem disse que viria e nem apareceu; de quem apareceu correndo, sem me conhecer direito, de quem nunca vou ter a oportunidade de conhecer. Sinto saudades dos que se foram e de quem não me despedi direito! Daqueles que não tiveram como me dizer adeus; de gente que passou na calçada contrária da minha vida e que só enxerguei de vislumbre. Sinto saudades de coisas que tive e de outras que não tive mas quis muito ter. Sinto saudades de coisas que nem sei se existiram. Sinto saudades de coisas sérias, de coisas hilariantes, de casos, de experiências. Sinto saudades do cachorrinho que eu tive um dia e que me amava fielmente, como só os cães são capazes de fazer. Sinto saudades dos livros que li e que me fizeram viajar. Sinto saudades dos discos que ouvi e que me fizeram sonhar. Sinto saudades das coisas que vivi e das que deixei passar, sem curtir na totalidade. Quantas vezes tenho vontade de encontrar não sei o que… não sei onde… para resgatar alguma coisa que nem sei o que é e nem onde perdi… Vejo o mundo girando e penso que poderia estar sentindo saudades em japonês, em russo, em italiano, em inglês… mas que minha saudade, por eu ter nascido no Brasil, só fala português, embora, lá no fundo, possa ser poliglota. Aliás, dizem que costuma-se usar sempre a língua pátria, espontaneamente quando estamos desesperados… para contar dinheiro… fazer amor… declarar sentimentos fortes… seja lá em que lugar do mundo estejamos. Eu acredito que um simples “I miss you” ou seja lá como possamos traduzir saudade em outra língua, nunca terá a mesma força e significado da nossa palavrinha. Talvez não exprima corretamente a imensa falta que sentimos de coisas ou pessoas queridas. E é por isso que eu tenho mais saudades. Porque encontrei uma palavra para usar todas as vezes em que sinto este aperto no peito, meio nostálgico, meio gostoso, mas que funciona melhor do que um sinal vital quando se quer falar de vida e de sentimentos. Ela é a prova inequívoca de que somos sensíveis. De que amamos muito o que tivemos e lamentamos as coisas boas que perdemos ao longo da nossa existência."


"O maior problema do mundo, hoje, é esse. As pessoas acham que falar basta. Não, falar não basta. O amor não tem que ser dito, ele precisa ser sentido, senão ele não sobrevive."
- Clarissa Corrêa. 

saudade ..


"Eu to com saudade. É, saudade. Tô falando daquela saudade que dá e nunca passa. Aquela saudade que mesmo quando você fala com a pessoa, ainda sente saudade. Sabe? É saudade sem tamanho, sem definição e sem restrição. Apenas saudade. O que eu faço pra isso passar? Às vezes ouço uma música, leio um livro, saio com os amigos, assisto um filme. Mas quando chega o fim do dia, ao deitar minha cabeça no travesseiro e fechar meus olhos, tá eu lá sentindo saudade outra vez. Ai que menina boba, saudade não passa não. Saudade só ameniza."


segunda-feira, 15 de julho de 2013


É tão difícil você deixar tudo pra trás e seguir em frente como se nada tivesse acontecido . Mas é preciso deixar certas coisas no passado , onde é o lugar delas . Cai uma lágrima de ter que partir , mas eu devo ir em busca da minha felicidade , e eu sei que não é aqui .



Parei de tentar ficar fazendo a coisa certa, se for pra ser, será; parei de ficar planejando, comecei a deixar acontecer; parei de ficar criando expectativas, estou deixando fluir. Talvez viver não seja ficar esperando que tudo venha até você, mas talvez não seja ficar indo correr atrás e esquecer de viver a sua vida por causa de talvez uma parte dela. Não é você quem escolha, a vida que escolhe você. É certo que tudo depende das suas escolhas, mas têm coisas que por mais que você faça o possível para que aconteçam, para que deem  certo, elas não acontecem. Aí eu penso nesse tal de destino que as pessoas dizem por aí; nesse "não era pra ser". A vida vai trazer aquilo que você merece, fica calmo, relaxa, e curte o que você já tem.
“Se eu perdoaria uma traição? Claro! Meu coração é nobre e sempre há perdão nele. Eu diria: “Amor, eu te perdoo”. Depois juntaria minhas coisas e nunca mais apareceria, mas eu perdoei, tá? Acho que não existe nada pior do que uma traição. Se dedicar, se entregar, amar a alguém e esse alguém te trair. “A carne é fraca”, justifica. A carne é fraca, mas eu sou forte e não mereço alguém assim do meu lado. Tudo bem que há os modernos que vivem em relacionamentos abertos. Se eu acredito em relacionamento aberto? Acredito! Relacionamento aberto, aberto ao fracasso, aberto ao fim, aberto a mágoa, aberto a toda falta de reciprocidade e dignidade sentimental que se possa imaginar. Afinal, o que é mesmo amar? É escolher uma pessoa entre milhões de especies disponíveis no mundo e elegê-la ao cargo máximo de estar única e exclusivamente ao seu lado. Se é pra ficar comigo e com mais todo mundo que aparecer na reta, eu prefiro ficar só! Em uma traição não importam os motivos de quem traiu, mas a dor de quem foi traído. Se traiu porque sentiu-se atraído, sinto muito, mas eu não sabia que estava namorando um imã que atrai tudo e todos, portanto, controle-se! Se traiu porque passou a gostar de outra pessoa, lamento, mas você não é nenhum líder religioso que é obrigado a amar a humanidade e, se fosse, isso excluiria o contato sexual. Traição não é oportunidade, nem escolha, é caráter. “Caráter é uma linha reta, não faz curvas”. E se você gosta de andar em círculos, ande sozinho. Faça um exercício: toda vez que sentir vontade de trair, lave uma privada, pra você lembrar que toda traição termina assim: em merda. E no amor não basta apenas dar a descarga! A questão não é ter tudo, é escolher alguém e fazer dar certo. E se você não está disposto a ficar com uma pessoa só, sinto muito te informar, mas o seu destino é morrer sozinho.”
— Tati Bernardi








Design e código feitos por Julie Duarte. A cópia total ou parcial são proibidas, assim como retirar os créditos.
Gostou desse layout? Então visite o blog Julie de batom e escolha o seu!